Elucidário Madeirense – Volume I

by

De Fernando Augusto da Silva e Carlos Azevedo de Menezes, constitui uma das obras mais completas e importantes para o estudo da História da Madeira.

Este primeiro volume percorre desde a letra (a) à letra (e) vários aspectos e características da cultura madeirense, tais como: Aluviões, Associações, Biografias, Brasões de Armas, Descobrimento do Arquipélago, Donatários, Estrangeiros, Escola Médico-Cirúrgica, Expedições Cientificas, Conventos, Diocese (Criação), Escolas Primárias, etc…

elucvolumei.jpg

Nesta obra os aspectos relacionados com a fauna e flora do arquipélago foi desenvolvida por Carlos Azevedo de Meneses (1863-1928), que contou ainda com a colaboração de Adolfo César de Noronha e major Alberto Artur Sarmento, tão conhecidos entre nós pelo talento e vasto conhecimentos que possuem das “coisas” das ilhas que compõem o Arquipélago da Madeira.

“…. Quero referir-me a uma obra literária, de carácter histórico, mas de feição popular e principalmente destinada às classes menos doutas, de fácil e pronta consulta, em que toda a vida deste arquipélago nas suas múltiplas manifestações e variados aspectos seja posta em saliente relevo, embora em resumido quadro, a fim de não dar a essa obra proporções demasiadamente exageradas. Esta circunstância não exclue a necessidade de ocupar-se esse trabalho dos principais acontecimentos ocorridos na Madeira no longo período de cinco séculos, das biografias dos seus homens mais notáveis, dos seus usos, costumes e tradições, da sua actividade literária, científica, artística, industrial, agrícola e comercial, da benignidade do seu clima, da riqueza da sua fauna e da sua flora, das incomparáveis belezas da sua paisagem, etc., etc., de molde a tornar essa obra um repositário abundante de informações e notícias, que possa particularmente interessar a todos aqueles que, por falta de tempo ou de preparação especial, não lhes seja possível consagrar-se a demorados estudos e mais largas investigações”.(1)

A última actualização do Elucidário Madeirense é de 1940, mas continua a ser uma referência fundamental para o conhecimento da História, cultura e Ciência do Arquipélago madeirense.

(1) in Elucidário Madeirense, Advertência Da primeira Edição

Volume I – download

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: